O homem e o macaco

Qual a diferença mesmo entre o homem e o macaco? Os dois são mamíferos, andam de pé, se articulam com as mãos… bem, o macaco é um pouco menor que o homem e possui rabo, algo que tinhamos também, alguns milhares de ano. Esse não deve ser o diferencial. Acho que a diferença está  no homem…deixe-me pensar….ah sim, é isso mesmo: o homem pensa! Será?!

 O macaco como um ser irracional, age, obviamente, por instinto. Pode-se dizer, na verdade, que o instinto animal do macaco é bem desenvolvido. Ele é um animal esperto, que sabe usar as ferramentas que a natuerza lhe dá – leia-se, galhos, folhas e pedras – para se alimentar e sobreviver.

Na sua irracionalidade, ele vive unicamente para sobreviver e seu trabalho é esse. O de sobreviver. Funcionando como um mecanismo dentro da cadeia animal, onde se alimenta de frutas, verduras e insetos; e serve de alimento para animais carnívoros maiores. E isso é valido para todos os animais, incluisve nós, seres pensantes.

Cada animal tem sua ferramenta natural de sobrevivência no mundo, tanto para comer quanto para não ser comido. Uns tem asas pra voar, outros visão noturna, outros tem grandes pêlos, outros grandes garras, grandes dentes, audição aguçada, faro aguçado… escamas, traquéias, nadadeiras, uns são velozes, outros se camuflam na natureza… enfim, cada animal tem seu diferencial, tanto para fugir das suas presas, quanto para localizá-las.

Ou seja, no final das contas, eles comerão para virarem comida. O adubo fortalece os vegetais (que vivem de água e fotossintese), que são  comidos pelos insetos, que são devorados por ratos, que são degustados pelas cobras, que no dia seguinte vira o prato principal de  alguma ave que pode vir a ser alimento de algum felino, que quando morre, ao se decompor vira comida de moscas , que é o prato preferido dos sapos, que também servem de alimento das cobras e…

Nossa, estamos na cobra de novo. Sim, o cíclo é interminável. E isso é uma dádiva divina, confesso. É a cadeia alimentar funcionando naturalmente. Como se cada animal fosse uma peça de uma máquina. É perfeito.

E com o homem não seria diferente. A nossa ferramenta de sobrevivência é a racionalidade. Apesar de muita semelhança com o macaco, nós somos diferentes porque pensamos. Para muitos, isso nos torna superiores a eles, porém, eu discordo totalmente.

Oras, ser um ser pensante também é uma dádiva.Isso deveria nos tornar um ser crítico, analítco e observador de tudo que nos rodeia. Só que me parece, que há pessoas que não sabem usar o amendoim que carrega dentro da cabeça e parece agir pior que nossos primos primatas.

Eu me refiro aquelas pessoas que não se questionam o motivo deles estarem no mundo, que vão levando a vida no “automático”, sem fazer idéia do que é instinto. Trabalham, pra ganhar dinheiro, mas não sabem o que estão fazendo e o que isso pode interferir no mundo em que vive.

Ou seja, ter um cidadão como esse trabalhando – e que não são poucos -, ou um macaco, daria no mesmo, pois ambos não pensam, não criticam, não questionam. Simplesmente vivem, com a diferença que o macaco é treinado ou adestrado para tal, o homem, não deveria ser…

About these ads

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: